Gerente de TI: você sabe o que faz esse profissional no dia a dia?

Gerente de TI: você sabe o que faz esse profissional no dia a dia?

A maioria das pessoas acredita que o gerente de TI passa o dia inteiro apenas lidando com a área técnica do setor dentro das empresas. Mas quem pensa assim está completamente engando. Pois pelo contrário, ser um gerente de TI envolve muito mais do que fazer manutenções, backups e avaliações de hardware e software.

Ser um gerente de TI vai muito além da área técnica, uma vez que envolve todos os outros setores da empresa. Além da gestão dos recursos humanos dentro dela. Se você anseia ou acabou de ganhar esse cargo, é importante que conheça a verdade sobre ele. E isso você pode fazer agora. Acompanhe!

As responsabilidades diárias do gerente de TI

Atualmente, com o setor de TI ganhando cada vez mais importância dentro das empresas, as responsabilidades do gerente de TI vêm aumentando, ganhando mais relevância e se tornando ponto chave nas estratégias corporativas.

E elas variam entre as corporações. Nas menores, o gerente de TI acaba ficando responsável pela gerência de todo o setor e de todos os aspectos da área. Já nas empresas de grande porte, o setor de TI é dividido entre diferentes tipos de gerentes. Chief Information Officers(CIOs), Chief Technology Officers(CTOs) e outros, formam juntos um time que impulsiona o desenvolvimento das grandes companhias.

Mas no geral, os gerentes de TI  em seu dia a dia são responsáveis por manter os sistemas e todo o setor de TI funcionando, produtivo e seguro. Do hardware ao software e a manutenção de toda a rede da empresa, até a gerência das equipes. Abaixo entenderemos melhor cada uma desses aspectos:

Área técnica

As principais responsabilidades de um gerente de TI estão na área técnica. Ou seja, no cuidado do setor de TI da empresa para a qual ele trabalha. E isso envolve a manutenção diária do hardware, softwares, segurança e implementação de novas tecnologias, entre diversas outras.

É dever dos gerentes de TI, por exemplo, manter todo o hardware do setor sempre atualizado e funcional. Se determinada tecnologia passa a não suprir as necessidades da empresa, ele deve buscar, considerar e avaliar a adoção de uma nova tecnologia que consiga atender às demandas do negócio.

E para isso, é preciso entrar em contato com os gerentes ou diretores da empresa e fazer as recomendações necessárias. Além de negociar a compra de novos equipamentos diretamente com os fornecedores. O que leva a profissão a um patamar acima da área técnica.




É responsabilidade do gerente de TI, também, garantir que os softwares utilizados em cada computador estão funcionais e avaliar se há a necessidades de upgrades nos sistemas. Sempre garantindo que as equipes conseguem trabalhar com máxima produtividade e que a rede da empresa está protegida, sem brechas de segurança.

E ela, a segurança, é uma das mais importantes atribuições do gerente de TI. Além de garantir que toda a rede e sistemas de segurança estão atualizados, o profissional deve assegurar que todos os colaboradores dentro da empresa seguem os procedimentos de segurança quando fazem uso da rede.

Além disso, na maioria das corporações, é responsabilidade do gerente de TI a criação e manutenção de senhas, distribuição de contas e senhas a usuários quando necessário, programas de lockout e outras precauções de segurança. Tudo para garantir que todos os dados do negócio estão protegidos, livres de brechas.

Para além da área técnica

Mas as responsabilidades do gerente de TI não se restringem a área técnica. Muito pelo contrário, conhecimentos em diversas outras áreas são mais do que necessários a esses profissionais. Principalmente no cenário atual, em que os negócios ficam cada vez mais complexos, exigindo cada vez mais habilidades.

Hoje, com a transformação digital, praticamente todos os setores das empresas passam pelo de Tecnologia da Informação. Contabilidade, RH, Marketing, Vendas, Produção, todos dependem de alguma forma do setor de TI.

Com isso, você pode imaginar o que um único erro pode acarretar. Por isso, o gerente de TI precisa conhecer tudo aquilo que envolve a empresa e as informações que passam pelo seu setor para garantir a sua integridade e a do negócio como um todo.

A importância da gestão de pessoas

Uma das principais exigências do gerente de TI moderno, fora da área técnica, é a capacidade de gerir pessoas. A tecnologia da informação vem tendo uma adoção cada vez maior de um modelo de trabalho com times multidisciplinares e diversos. O que exige desse profissional a postura de um verdadeiro líder.

Um líder que sabe se comunicar e resolver conflitos. Um líder que sabe reconhecer talentos e recompensar para mantê-los junto ao time. Um líder que sabe administrar os seus recursos humanos, sempre focado em extrair aquilo que eles têm de melhor.

Sem as características de um líder, o gerente de TI pode até ser um mestre na área técnica, mas jamais conseguirá montar um time de trabalho produtivo e eficiente. Sendo assim, não obterá sucesso em sua profissão, pois ele não trabalha sozinho.

Um típico dia de um gerente de TI

Um dia típico de um gerente de TI envolve tudo isso que foi discutido até aqui. Uma mescla de conhecimentos e responsabilidades nas mais diversas áreas.




Em um dia normal de trabalho, o gerente de TI gerencia os sistemas de backup e segurança; conversa com os usuários, diretores, técnicos e fornecedores para entender melhor as necessidades da empresa e o que pode ser feito para supri-las; gerencia as operações diárias do seu setor, organizando o ritmo de trabalho, estabelecendo prioridades, desenvolvendo padrões e estipulando objetivos e prazos de entrega; além de controlar o orçamento operacional, juntamente com as despesas.

Além de tudo isso, diariamente, o gerente de TI precisa prover o suporte que as suas equipes e colaboradores precisam. Ele também precisa lidar com possíveis conflitos no ambiente de trabalho. Sempre focando em resolver os problemas da melhor maneira e com os menores danos possíveis.

Essas são as adversidades enfrentados diariamente por um gerente de TI. Uma luta que é travada em um ambiente de trabalho em constante transformação. O que torna a profissão ainda mais desafiadora.

Novas tecnologias, novos significados, novos desafios

As responsabilidades do gerente de TI vêm mudando radicalmente nos últimos anos. Com uma adoção cada vez maior de novas tecnologias como o Cloud Computing e a Internet das Coisas, esse profissional viu a sua profissão adquirir novos significados e novos desafios.

Hoje, não basta ao gerente de TI saber lidar com os sistemas e infraestrutura. Pois ele precisa ir além da área técnica e conhecer bem cada um dos setores da empresa. Ele precisa se tornar um verdadeiro líder dentro do seu setor, gerenciando e extraindo o melhor dos recursos humanos disponíveis.

As certificações em TI ajudam o gerente de TI a melhorar seus conhecimentos e ampliar o nível de seus colaboradores. Por isto avalie quais delas podem ser interessantes para você e sua equipe.

Se você anseia esse cargo, ou já é um gerente de TI, se manter informado é essencial para acompanhar as transformações que a profissão vem sofrendo. E não há melhor lugar para se atualizar do que a nossa newsletter. Através dela entregamos conteúdo e as últimas novidades sobre o mundo da tecnologia da informação diretamente no seu e-mail. Não deixe de assiná-la!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *