Como investir bem em infraestrutura de TI

Como investir bem em infraestrutura de TI

Manter a infraestrutura de TI da sua empresa ou indústria sempre atualizada e pronta para lidar com as demandas internas e externas, é mais do que uma mera necessidade. É uma obrigação para garantir o funcionamento e a competitividade do seu negócio!

Por isso, realizar investimentos que garantam a modernização que a sua infraestrutura precisa é essencial. Mas como investir? O que levar em consideração? Como avaliar o investimento?

Descubra agora!

Porque investir (bem) em infraestrutura de Ti

Conforme a indústria cresce, cresce também as necessidades das equipes de trabalho e dos consumidores. E contar com uma infraestrutura de TI incompatível à essas necessidades, pode trazer inúmeros prejuízos, tanto produtivos, quanto financeiros.

Com a revolução digital e as novas demandas que têm surgido, como o Mobile, muitas empresas se encontram nesta situação. Com infraestruturas de TI inadequadas à nova realidade e que acabam por trazer mais gastos, sem atender às exigências.

Por isso, é papel do bom gestor de TI, estar atento às novas demandas e pronto para realizar investimentos em sua infraestrutura que às atendam e transformem o modo como suas equipes trabalham e como seus clientes consomem. Transformando também como sua indústria funciona.

E não faltam motivos para um investimento e modernização de infraestrutura de TI. Entre eles estão:

– Aprimoramento da funcionalidade:

Uma infraestrutura de TI moderna traz mais interoperabilidade. Com ela, ao invés de ter que lidar com sistemas inflexíveis, os profissionais de TI podem  trabalhar com estruturas escaláveis e ter mais controle sobre os seus sistemas.

O que acaba diminuindo o stress das equipes de TI, que conseguem trabalhar melhor e ser mais produtivas.

– Novos recursos:

A tecnologia evolui de forma exponencial. E as gerações mais antigas de hardware e software não estão preparadas para lidar com as novas demandas e necessidades.

Um bom investimento em infraestrutura de TI garante recursos para lidar com essas novas demandas e assegura a evolução da indústria conforma a tecnologia avança, dando mais poder e criando mais oportunidades de negócio.


– Redução das ocorrências e duração de downtimes:

Quando um downtime ocorre, a indústria sangra dinheiro e o tempo e reputação junto aos clientes e parceiros são drenados. Um bom investimento em infraestrutura de TI reduz o número de ocorrências e duração de downtimes, garantindo mais produtividade e confiança.

Estes são apenas alguns dos inúmeros benefícios e vantagens que um investimento em infraestrutura de TI pode trazer para a sua indústria e seus negócios. Porém, como nem tudo são flores, é necessário uma boa avaliação quanto aos investimentos para assegurar que o contrário não aconteça.

Veja abaixo como fazer essa avaliação e garantir os melhores resultados!

Como avaliar os investimentos

Toda e cada empresa ou indústria usa modelos diferentes de avaliação de investimentos. Todavia, alguns indicadores gerais podem ser levados em consideração na hora de se avaliar os investimentos em infraestrutura TI.

Produtividade

O primeiro deles é o ganho de produtividade que os funcionários terão com os novos recursos e ferramentas.

Quais são as necessidades das suas equipes de trabalho que a sua infraestrutura não consegue atender? Quais são as opções de novas tecnologias, hardware ou software, que podem atendê-las?

Responder a essas perguntas garante uma melhor visão do que pode afetar diretamente a produtividade da sua empresa e o que pode ou não ser adquirido para garantir mais eficiência, controle e gestão, a você e ao seu time.

Satisfação do usuário

Porém, nem todas as tecnologias que podem resolver os problemas, vão agradar os seus funcionário e clientes. Não importa se elas são de última geração, se são fáceis de serem operadas ou são as tops do mercado. Se o seu time e consumidores não conseguirem se adaptar à elas, não haverá ganhos.

Por isso, uma boa sondagem interna e externa se faz necessária para entender como uma nova tecnologia pode ser usada e para identificar possíveis problemas que possam surgir com a sua adoção – e o que pode ser feito quanto a isso.

Essa avaliação assegura que o investimento em novas tecnologias não serão transformados em prejuízos por conta de uma má adaptação dos usuários. Algo relativamente comum.

TCO

TCO é a sigla em inglês para custo total de aquisição. Ele é uma das principais métricas usadas para avaliar investimentos em TI. Se trata de uma projeção de custos diretos e indiretos relacionados à compra de todo o investimento, incluindo software e hardware. Além dos gastos com mão de obra, tempo de trabalho e custos para manter tudo funcionando.

Essa métrica é importante para dar uma visão mais ampla de tudo o que será gasto. Pois ela aponta, inclusive, se a empresa ou indústria pode arcar com esses custos no momento.

ROI

Já a métrica ROI é uma estimativa do tempo levado para se recuperar o TCO. Ou seja, todo o investimento.

Mas nem sempre o retorno dos investimentos é financeiro. Com a aquisição de um novo software, por exemplo, pode esperar-se um aumento da produtividade e a diminuição de erros operacionais. E esse é o retorno previsto.


Se, pelo contrário, o novo software tiver um baixo desempenho e não apresentar dados fidedignos, não há um retorno, apenas prejuízos.

Porque migrar a infraestrutura de TI da sua indústria para a nuvem é a melhor opção de investimento

Agora que você já conhece todos os benefícios e sabe como avaliar os investimentos para a infraestrutura de TI, onde investir? Com tantas alternativas de tecnologias no mercado, essa é a pergunta feita pela maioria dos gestores.

Dentre todas essas alternativas de investimento, a migração para a nuvem se mostra como a melhor opção. Com ela, você e a sua equipe podem trabalhar com sistemas e estruturas modernas, capazes de suprir as demandas da nova realidade tecnológica do mercado. Seus clientes também são beneficiados com soluções rápidas e de alta disponibilidade, além de um suporte e um pós venda mais satisfatório.

Na nuvem, você ainda tem garantia de produtividade, satisfação dos usuários e um ótimo retorno dos investimentos. Esses baixíssimos, se comparados às outras alternativas disponíveis.

Então, por que colocar o seu dinheiro em equipamentos físicos, de alto custo e que não vão conseguir atender às suas necessidades, além de exigirem imensos gastos com manutenção?

Todo esse investimento que poderia ser direcionados a servidores e storage pode ser aplicado em uma tecnologia moderna, mais eficiente e no treinamento do seu time de trabalho para trazer ainda mais resultados positivos.

Por isso, não perca tempo. Aposte na nuvem!

Se quiser entender em mais detalhes como fazer esse investimento, entre em contato com a nossa equipe. Será um prazer te atender!

Baixe agora o nosso Ebook gratuito: Como montar a infraestrutura de TI de sua empresa através do banner abaixo:

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *