6 formas de incentivar a criatividade no trabalho em equipes de TI

Criatividade no trabalho

Criatividade no trabalho e tecnologia da informação são dois termos que, à primeira vista, podem parecer não estarem relacionados. Afinal, dentro dos setores de TI, a regra, na maioria dos casos, é o conhecimento técnico; a execução estrita de tarefas, sem margens para erros; e o comando firme dos líderes.

Contudo, basta olharmos com um pouco mais de atenção para percebermos que TI e criatividade têm tudo a ver. Mais do que isso, a criatividade é um fator indispensável dentro de qualquer setor de tecnologia da informação.

Conceitos como Big Data, Cloud Computing, Realidade Virtual e Inteligência Artificial, por exemplo, não nasceram apenas do conhecimento técnico. Foi preciso muita imaginação e inventividade para que tecnologias revolucionárias como essas ganhassem vida.

Por isso, a promoção da criatividade no trabalho deve ser uma busca constante dos líderes de TI. E, por sorte, essa não é uma tarefa difícil e a transformação de mentes competentes em mentes também criativas pode ser feita de forma simples e com pouco investimento.

Como? É o que você descobre a seguir com 6 dicas que trouxemos para você. Acompanhe e descubra!

1. Adote a automação para liberar a criatividade no trabalho

O setor de TI é um dos mais afetados pelo trabalho repetitivo em qualquer empresa. Geralmente, as equipes vivem atoladas em rotinas definidas, tarefas fixas e horários regrados, de tal forma que sobra pouco tempo e motivação para que pensem de maneira criativa e apliquem isso nas suas funções.

Assim, esses processos repetitivos se transformam em um verdadeiro freio para a criatividade no trabalho e a automação é a melhor forma de eliminar esse problema. Com ela, tarefas repetitivas como a manutenção de sistemas, correções de problemas e monitoramento de servidores são automatizadas.

Como consequência, os colaboradores passam a ter mais tempo para exercitarem sua criatividade e pensamento crítico. As interações e discussões de ideias entre funcionários e equipes também se tornam mais viáveis. E todo o setor ganha dinamicidade e espaço para pensar e executar de forma criativa.




2. Abra espaço para a discussão amigável de ideias

Não basta dar mais tempo para que as suas equipes de TI pensem de maneira criativa se elas não têm o espaço necessário para expor suas ideias e executá-las. Em boa parte das empresas, encontramos um ambiente completamente fechado para que isso aconteça, de forma que a criatividade no trabalho se torna impossível dentro do setor de TI.

Por isso, é importante que os líderes e gestores da área abram esse espaço para seus colaboradores e proporcionem a oportunidade de que eles discutam construtivamente entre si. Mais que isso, é preciso mostrá-los que suas ideias e opiniões estão sendo ouvidas e podem ser levadas em consideração.

Os líderes e gestores também devem abandonar suas posições hierárquicas no sentido de estarem abertos a ouvir e discutir. Isso porque é bem mais provável que soluções criativas para determinados problemas venham de quem está lidando com eles.

3. Organize eventos, palestras e workshops que estimulem a criatividade no trabalho

Outra ótima forma de incentivar a criatividade no trabalho em equipes de TI é a organização de eventos, palestras e workshops focados no estímulo e desenvolvimento de mentes criativas, que pensam fora da caixa e que buscam a resolução de problemas.

Isso porque, com estímulo e incentivo, fica mais fácil para o colaborador perceber o seu potencial e aplicá-lo. E nada melhor do que colocá-lo para aprender na prática e com quem sabe do assunto, não é mesmo?

Outro bom exemplo de eventos que promovem a criatividade são os chamados Hackathons. Essas competições oferecem a colaboradores de todas as áreas a oportunidade de mostrar sua criatividade e desenvolvê-la ainda mais. 

Assim, as opções são muitas e fica a critério do gestor escolher qual delas organizar em sua empresa.

4. Tente descobrir os talentos ocultos já presentes nas suas equipes de TI

Promover a criatividade no trabalho em equipes de TI também passa por tentar descobrir as mentes criativas já presentes no setor. Pois, com certeza, são muitos os colaboradores que sabem pensar fora da caixa e que só esperam uma oportunidade para mostrar sua inventividade.

As outras dicas mostradas até aqui, claro, podem te ajudar a identificar essas mentes. Porém, é necessário um olhar mais atento e um pouco mais de investimento para discerni-las em meio a todos.

Uma vez descobertos, é importante também estimular esses colaboradores a compartilharem suas ideias e formas de pensar com os demais. Pois assim, todos podem aprender de alguém que já está presente e convive com eles diariamente.




5. Organize reuniões de Brainstorming

As reuniões fazem parte do ambiente e rotina corporativos. Então por que não aproveitá-las para promover a criatividade no trabalho em suas equipes de TI? E a melhor forma de se fazer isso é organizando sessões de brainstorming!

Esse termo da língua inglesa que, em tradução literal, significa tempestade de ideias, é uma reunião que tem como objetivo o debate de ideias e a colaboração para a resolução de determinados problemas.

Durante as sessões, cada colaborador pode dar sua ideia e opinar sobre qual seria a melhor solução. Assim, todos são estimulados a pensar fora da caixa. O que, além de promover a criatividade das equipes, pode render ótimos resultados para o setor de TI e a empresa como um todo.

6. Um treinamento formal para criatividade no trabalho também é uma boa ideia

Por fim, um treinamento formal em criatividade também é uma ótima ideia para promoção da criatividade no trabalho. Isso porque, ao contrário do que a maioria acredita, ser criativo também é uma questão de estudo e prática.

Com um treinamento formal, suas equipes podem aprender de maneira lógica e científica como pensar criativamente e como enfrentar os problemas do ambiente de trabalho de uma maneira completamente diferente. Isso, obviamente, vai demandar investimento, mas os resultados compensam.

Caso o orçamento esteja apertado, pode ser interessante para a empresa investir em um treinamento apenas para os líderes e gestores do setor. Assim, o gasto é menor e aquilo que for aprendido pode ser passado para os colaboradores.

E você o que achou das nossas dicas? Fala pra gente nos comentários!

Content Protection by DMCA.com
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *