Quais vantagens o SSD traz para o seu negócio?

Quais vantagens o SSD traz para o seu negócio?

Existem três itens essenciais para que uma infraestrutura de TI demonstre todo o seu potencial, disponibilidade, confiabilidade e eficiência. Todos os dias as tecnologias evoluem, no sentido de alcançar essas metas. No mercado de sistemas de armazenamento também é assim. O que há de melhor hoje é o SSD.

Para mostrar como o Solid-State Drive é a melhor opção para armazenamento nos dias atuais, reunimos algumas informações acerca das vantagens que esta tecnologia pode trazer para o seu negócio. Confira!

O que é SSD

Antes de mais nada, é preciso conceituarmos do que se trata o Solid-State Drive (Unidade de Estado Sólido). Bom, ela é considerada por muitos especialistas como a evolução dos discos de armazenamento, pois não possui partes mecânicas, sendo construído em torno de um circuito integrado semicondutor, que é quem realiza o armazenamento dos dados, além de contar com memória flash.

As principais diferenças para os HDs, sistema de armazenamento mais comum no mercado hoje, são a falta de partes mecânicas e que a tecnologia magnética é descartada, já que a memória flash funciona eletricamente. No SSD é o controlador que realiza toda a administração do armazenamento, com a possibilidade de criptografar informações antes de salvá-las, mapear defeitos, evitar utilizar partes com falhas, aumentar a vida útil da memória, entre outras aptidões.

A memória flash suporta altas velocidades de leitura e escrita, ficando a cargo do controlador, que quanto mais desenvolvido, mais rápido será o SSD. A Unidade de Estado Sólido pode ser dividida em páginas e blocos, que são conjuntos de páginas. Essa divisão é feita pelo controlador para efetuar o armazenamento.

Vantagens do SSD

Como você pôde observar, as diferenças são várias em relação aos Hard Disks utilizados atualmente, muitos consideram os SSDs como uma evolução, devido às suas vantagens em comparação aos discos magnéticos e seu uso em data centers, dispositivos móveis e computadores pessoais têm aumentado. Vamos listar alguns destes benefícios.

1. Menores

Um HD de capacidade de armazenamento razoável costuma possuir um bom tamanho físico, já os sistemas SSD são muito menores, isso implica em menos espaço físico para encaixá-los em qualquer projeto, além de serem mais leves que seus antecessores.

O tamanho pode se tornar um problema quando você dispõe de pouco espaço no seu servidor ou em projetos sofisticados de engenharia de computadores. Utilizar os pequenos SSDs pode ser a saída para organizar melhor esse espaço.




2. Silenciosos

O Solid-State Drive não possui partes mecânicas para funcionar e, com isso, não geram o barulho alto e característico dos HDs quando estão efetuando as suas funções normais.

O barulho pode ser um problema em um ambiente de alta produtividade, onde se espera o máximo dos colaboradores, e a diminuição do ruído pode ser bem-vinda por boa parte da equipe, principalmente por quem trabalha próximo aos servidores e computadores.

3. Rápidos

Os modelos atuais de SSD apresentam velocidades de leitura de 555 MB/s e de escrita 520 MB/s, enquanto os Hard Disks ficam em 120 MB/s para leitura e 120 MB/s para a escrita, uma diferença que pode não parecer muito grande, mas além da velocidade maior para escrita/gravação o acesso ao dado gravado no disco (latência) é muito inferior no SSD e traz uma diferença de performance absurda!

Isso torna o SSD muito mais efetivo para a leitura e escrita de grandes volumes de dados, apresentando uma eficiência maior para a utilização em sistemas críticos que necessitam de velocidade. Em banco de dados armazenados em SSD por exemplo, a diferença traz muitos benefícios.

Além da velocidade de leitura e escrita ser mais rápida, os SSDs também apresentam maior rapidez no arranque do sistema, sendo capazes de dispor do sistema operacional em alguns segundos e não minutos.

4. Econômicos

Os modelos de SSD consomem menor volume de energia elétrica para o seu funcionamento, uma vez que não existem vários componentes em seu interior para serem acionados como nos HDs.

Como a palavra da vez no Brasil é economizar, devido à crise pela qual o país passa, a redução do consumo de energia é bem-vinda em qualquer empresa. Quanto mais discos forem substituídos, maior a potencialização da economia.

5. Confiáveis

Ao não contar com partes mecânicas, o SSD torna-se mais confiável, visto que esses componentes são o que ditam, geralmente, a vida útil de um disco rígido comum. Qualquer pequena imperfeição nas partes do complexo sistema de funcionamento do HD inviabiliza seu funcionamento.




Com a busca constante por confiabilidade dentre a infraestrutura de TI, contar com um componente como o SSD, que entrega tal característica, torna o gerenciamento dos ativos uma missão mais simples e a desconfiança de falhas no sistema diminui.

6. Resistentes

Outra vantagem em relação a não existência de partes mecânicas dentro do projeto de um SSD, é que ele se torna mais compacto e resistente. Um disco pode passar por quedas e não sofrer nenhum tipo de alteração em seu funcionamento.

Os SSDs também têm a possibilidade de trabalhar em temperaturas mais altas que os HDs, cerca de 70º, o que pode reduzir bastante a conta de refrigeração de uma empresa, que tem de manter baixas temperaturas na área do servidor constantemente.

7. Inteligentes

O controlador acoplado junto à memória flash possui várias funções já descritas, entre elas a capacidade de verificar partes inutilizáveis e evitar o uso delas para salvaguardar os dados de corrompimento e, até mesmo, utilizar criptografia na hora do armazenamento, dando ênfase à segurança da informação.

O processador principal da máquina trabalha de maneira integrada com o controlador SSD, para que os recursos sejam utilizados da melhor forma possível, aumentando assim a performance de todo o sistema.

A escolha por discos SSD é a evolução natural quando falamos em armazenamento de dados, essa opção ainda tem um pouco de resistência por parte de alguns gestores, devido aos preços, um pouco mais elevados em relação aos atuais HDs utilizados no mercado. As vantagens são imensas e, geralmente, os investimentos realizados para a troca dos discos serão recuperados em economia e eficiência de toda a sua planta de TI.

Gostou do post? Então, curta nossa página no Facebook e fique por dentro de mais conteúdos sobre tecnologia da informação e o mundo do armazenamento!

Content Protection by DMCA.com
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *