Engenharia social: sua empresa está vulnerável aos ataques?

0
210
Tempo de leitura: 15 minutos

A Engenharia Social é um tema que merece atenção. Visto que, criminosos conseguem se camuflar na sociedade. Isto é, são envolventes, cultos e cativantes. Por isso são habilidosos em lidar com pessoas. Além de magnéticos, são especialistas em planejar. Isto é, são estratégicos e focam em resultados. Eles captam suas vítimas com sua comunicação persuasiva.

Além disso são mestres em reconhecer o perfil comportamental do outro. Logo, criam vínculos de modo fácil. Sem dúvida são influenciadores natos e convencem com maestria. Em geral eles têm excelente raciocínio lógico. Por outro lado, são intensos e relacionáveis. Dessa forma, nada escapa da sua visão. Ou seja, são sensíveis aos detalhes.

Porém, usam essas habilidades para coletar dados. Pois, querem tirar vantagens com credenciais de terceiros. Sendo assim, prejudicam em massa. Além disso, agem na internet e no presencial. Inclusive, eles são seletivos e assertivos. Portanto, visam empresas vulneráveis. Em especial as que geram dados suficientes para roubar. 

Agora, saiba tudo sobre eles. Pois, vamos revelar como agem. Além de apresentar suas estratégias. Por fim, você vai saber como se proteger. Isto é, sua empresa é o maior alvo deles. Por isso, saber se proteger é fundamental. Visto que, eles podem ser seu próprio funcionário. Confira o artigo completo!

Engenharia Social: estratégia persuasiva para roubar dados

O trabalho remoto aumentou nos últimos tempos. Da mesma forma que a tecnologia avançou. Com isso, os ataques virtuais ganharam espaço. Isto é, a quantidade de empresas no contexto online multiplicou. Mas poucas investem na segurança de dados.

Em outras palavras, é um terreno fértil para os criminosos. Sem dúvida é uma fase de oportunidades para eles. Portanto, conhecê-los é uma forma de prevenção.

Engenharia social: rápida definição! 

A Engenharia Social é uma estratégia para manipular pessoas. Então, eles enganam para roubar dados. Porém, a técnica deles visam benefício próprio. Em suma, a Engenharia Social não está ligada a exatas. O termo define a forma como planejam. Porque eles agem com precisão. Mas, sua especialidade está na habilidade social.

Engenheiros sociais: quem são eles?

O alvo do Engenheiro Social é qualquer ser humano despreparado. Portanto, a natureza humana é pautada na razão e emoção. Isso significa agir, falhar e ser vítima dos manipuladores. Diferente de uma máquina. Então, não importa o quanto colocamos esforços para manipular um computador. Pois, ela só vai responder aos comandos programados. Ao contrário das relações humanas. 

Principalmente, quando estabelecemos vínculo com as pessoas. Pois é inerente ao ser humano, compartilhar e se envolver. Dessa forma, existe uma tendência recíproca com o próximo. Ou seja, é o que nos torna vulneráveis. A menos que sua mente seja treinada. A partir disso, você aprende a discernir as intenções. 

Da mesma forma, os engenheiros se preparam muito bem. Por isso, adotam medidas sem uso de força bruta. Sendo essa, a arma que mais confunde as pessoas. Por serem treinados, seus ataques são refinados. Eles conseguem ser sutis e passam despercebidos pelas organizações.

O objetivo de obter esses dados é roubar, sabotar, espiar etc. Inclusive, Engenheiros Sociais são Hackers especialistas. Eles simplesmente não se arrependem de suas ações. Por isso são destrutivos por onde passam. Além disso, raramente são notados por seus escrúpulos. Ninguém desconfia de seu caráter duvidoso.

Eles não deixam rastros. Quando isso acontece é proposital. Ou seja, passam informações falsas. Isto é, eles jogam dados que geram confusão. Então, tomar conhecimento de seus atos é uma tarefa difícil. Até mesmo os prejuízos causados por eles são imperceptíveis. Sendo o egoísmo, a principal característica do Engenheiro Social.

Ele instiga as pessoas a tomarem ações. Inclusive, usam a fragilidade das pessoas para agir. Eles só precisam estabelecer um primeiro contato. Por serem ágeis e comunicativos, conquistam a confiança com rapidez.

Engenharia Social: conheça as 4 principais técnicas

Intimidação

O engenheiro se aproxima e estabelece uma ligação. No entanto, é sempre com uma abordagem amigável. Em seguida, faz uma boa apresentação sobre si mesmo. Nessa técnica, seu objetivo é demonstrar poder. Em outras palavras, se apresenta como figura de autoridade. Pois, seu objetivo principal é coagir o outro. Dessa forma, instiga a vítima a executar seus comandos.

Persuasão

Nesse modelo, o Engenheiro Social cita nomes de pessoas famosas. Além disso, costumam enaltecer a vítima. Associar essas duas práticas levam o criminoso a concretizar seu objetivo.




Bajulação

Essa é a abordagem mais comum. Em geral, costuma levar um tempo. Nesse modelo, o engenheiro social visa construir um vínculo. A partir disso, desperta a confiança da pessoa. Por fim, obtém informação dela. A bajulação é uma forma sedutora de atrair uma pessoa. Em geral, aquela que está vulnerável. Por exemplo, elogiar, oferecer algo de interesse do outro etc.

Entretanto, é fundamental ter discernimento. Nem sempre um elogio ou ajuda representa bajulação. Mas, na prática percebemos as intenções das pessoas. Porque sempre envolve um interesse por trás. Em geral, o engenheiro se aborrece quando não surte efeito. Então, sem se dar conta, deixa escapar sua frustração. Ou seja, vai agir com agressividade. Seja por intimidação ou agressividade passiva.

Assistência

Essa prática também é muito comum. Nesse momento, o criminoso oferece ajuda. Com isso, a pessoa tende a considerá-lo. Ou, agir de modo recíproco. Visto que é um comportamento inerente ao ser humano. Por fim, eles conseguem informações pessoais. Portanto, pessoas despreparadas caem nessa cilada.

Supostamente, alguém que ajuda o outro, transparece bondade. Ou seja, alguém sem interesses. Logo, a vítima passa a ser grata. E assim, propensos a confessar muitas coisas. Além de ficar disposta a ajudar no que for preciso. Por consequência, conseguem obter os dados sigilosos.

Descubra como evitar ataques dos Engenheiros Sociais

A melhor maneira de se proteger é criar um plano. Ele deve incluir ações preventivas. Por exemplo, adotar uma política de Segurança da Informação. Além de expandir a divulgação para seus colaboradores. 

Ou seja, desenvolver treinamentos intensivos. De modo que eles saibam identificar esses comportamentos. Com isso, ensiná-los a se defender ou se desvencilhar deles. Inclusive, manter sigilo das informações internas da empresa. Até mesmo sobre a vida pessoal dos colegas.

Nos dias atuais é importante contratar pessoas com qualidades nobres. Como a integridade e lealdade. Cerque-se de pessoas que vistam a camisa da empresa. Além disso, priorize os que são colaborativos. Em geral são profissionais que entendem regras de convívio. Além de se relacionar de forma saudável.

Qual é a brecha que aumenta a vulnerabilidade da empresa?

A Engenharia Social é como um malware. Ela aproveita uma vulnerabilidade humana para coletar informações. Enquanto um vírus, procura por falhas nos sistemas. De qualquer forma, a intenção é obter informações. Portanto, é preciso se preparar para evitar acessos proibidos. A diferença é que os Engenheiros Sociais não usam a força bruta. 

Então, a primeira ação é tomar conhecimento sobre o tema. Em segundo, educar seus colaboradores. Do contrário, a organização fica vulnerável. Por exemplo, evite compartilhar informações da empresa. A partir de um simples dado pode colocar a organização em risco. 

Mas o Engenheiro costuma ser assertivo em suas ações. Ele sabe exatamente a informação que abre outras portas. Dessa forma, ele persiste na descoberta de um dado específico. Depois, ele não precisa mais da vítima. Portanto, selecionar a informação certa é uma das habilidades do Engenheiro.

Por isso, não deve mencionar nada fora da organização. Inclusive, é preciso adotar um padrão de organização interna. Por exemplo, impedir que informações sigilosas sejam expostas na mesa, na tela do computador, parede, lousa etc.

Mesmo que pareça irrelevante, os Engenheiros são observadores. Inclusive, sabem o que caçam. Logo, todo cuidado é pouco. Afinal, eles se camuflam na sociedade. Ou seja, ele não se apresenta com capuz. Mas sim, com carisma e educação. Essa é a brecha que precisamos trancar. Isto é, seus funcionários precisam estar atentos.

Confira as estratégias mais usadas Engenharia Social

Os Engenheiros Sociais utilizam técnicas. Assim como em todas as outras profissões. Então, quanto mais crescemos na área, nossa visão amplia. Além disso, ganhamos conhecimento e experiência. Por fim, criamos conexões com outras informações. Isso resulta em soluções e ideias inovadoras. 

Inclusive, eles desenvolvem habilidades e competências. Portanto, entender que eles são verdadeiros profissionais muda tudo. Pois notamos o perigo diante de nossas empresas. A seguir vamos listar as técnicas mais comuns que eles utilizam. 

Fake News

Esse é um tipo de técnica muito comum. Por ser a forma mais rápida de capturar dados. Pois a vítima não desconfia que é um link falso. Inclusive, nem imagina que sua máquina foi infectada, após o clique. Então, eles aproveitam notícias trágicas de famosos. 

Isso instiga o internauta a clicar no vídeo. Entretanto, acaba numa página de propagandas. Depois, a tarefa fica mais fácil. Em seguida capturam dados que precisam. Ou seja, eles aplicam a técnica para vários tipos de categoria. 

O objetivo principal é conquistar a confiança. Em seguida, atacar. De qualquer maneira, configura um perfil inescrupuloso. A ideia desse artigo é alertar o quanto estamos vulneráveis. Quanto mais colocamos luz a esse tema, alcançamos um propósito. De conscientizar centenas de outras organizações. Nosso objetivo é prevenir e proteger ativos de nossos clientes. 

Aplicativo falso

Até o Iphone não ficou de fora. Agora existe um malware que instiga os usuários a fazer download. O objetivo é baixar o software de gerenciamento de dispositivos móveis. A partir disso, eles adquirem uma série de dados. Por exemplo, fotos, SMS, mensagem de WhatsApp, número de série, número do celular e várias informações relevantes.

Independente do seu aparelho ser um Iphone ou não, deve ter cautela. Então, cuidado com os aplicativos desconhecidos. Antes de baixar, leia o que o aplicativo solicita de acesso. 

E-mail falso

Quando o engenheiro social consegue acesso ao seu email, ele também obtém dados de seus contatos. Em seguida, entram em todas as contas existentes. Desde rede social, aplicativo de banco etc. Com a conta do email, envia mensagens aos seus contatos. Elas contém link falso de bancos que simula uma página de acesso.




Conheça as  técnicas adotadas na Engenharia Social

Phishing

Phishing é uma técnica para ser usada em diversos contextos. Em geral, ela faz parte de uma metodologia de liderança. Ou seja, ela se baseia no modelo do poder. Ao contrário do que as pessoas pensam não se aplica ao contexto ilícito. 

Mas, os Engenheiros Sociais aproveitam essa metodologia para executar suas atividades fraudulentas. Isto é, aplicam técnicas para manipular as pessoas. Eles usam o medo como forma de controlar o outro. Uma pessoa vulnerável vai reagir com impulsividade. Porque as emoções dominam personalidades fragilizadas.

Por isso, não funciona para quem domina as emoções. Porém, é óbvio que os Engenheiros Sociais têm essa percepção. Depois de selecionar a vítima, ele instiga a pessoa a agir de forma impulsiva. Isto é, coagir a vítima a passar dados bancários. 

Em outros casos, se passam por figuras de autoridade. Por fim, utilizam colegas de trabalho para solicitar os dados. Nesse caso, a pedido de um suposto superior. Inclusive é comum que as autoridades apliquem essa técnica. Por exemplo, a segurança pública. Só que nesse caso, o objetivo é desmascarar o criminoso. Ou seja, gerar benefício e autoconsciência no indiciado.

Já os criminosos utilizam esse método para obter dados para si. Ou seja, eles visam lesar o próximo para ganhar vantagens. Tudo isso pode ocorrer por email, telefone, chat ou contato presencial. Além disso, usam outras técnicas para provocar urgência. Isto é, não usam apenas a intimidação. Mas, podem aplicar em outros contextos. Por exemplo, promoções imperdíveis. 

A solução contra essas ações é blindar a mente por meio dos treinamentos. Embora seja raro, sugerimos associar Inteligência emocional à Segurança Digital. Nenhum funcionário será vítima com uma mente blindada. Porque esses treinamentos fortalecem o domínio próprio. Ou seja, eles dão as chaves do discernimento.

Spam

Os Hackers usam muito essa técnica. Mas, os Engenheiros Sociais usam esse método de forma interativa. Isto é, eles encaminham emails para seus contatos. Então, apresentam conteúdos que instigam o usuário a engajar.

Por essa razão, os emails são prediletos. Por meio das suas credenciais, eles se passam por você. É muito provável que todos seus contatos acessem o link que você mandou. Afinal, confiamos mais nas pessoas que conhecemos. Por isso, esse canal é o favorito dos engenheiros. Ou seja, o objetivo é espalhar o malware em busca de novas credenciais.

Spear Phishing

Essa técnica é uma versão mais robusta do Phishing. Eles focam em um público específico. Em seguida, elegem um perfil para estudá-lo. Por isso, antes de tudo, ele escolhe uma empresa para atacar. Depois, envia emails persuasivos para instigá-lo a clicar no link. 

O mesmo acontece com seu funcionário. Por isso, seus colaboradores não podem ler emails pessoais na empresa. Imagine um malware se instalar na máquina deles. Ele se transforma numa Botnet e contamina todas as demais.

Farming

É uma técnica mais elaborada. Nessa técnica, o engenheiro escolhe a internet ou presencial. Mas, o objetivo é sempre persuadir para enganar. Assim sendo, o criminoso cria um relacionamento com a vítima. Em seguida, coleta o máximo de informação. 

Não há dúvida que estamos numa outra era. Em outras palavras, vamos precisar de colaboradores com novas competências. Se antes, as habilidades técnicas eram importantes, hoje mudou. Ou seja, queremos pessoas com inteligência emocional. 

A partir desse artigo, podemos concluir que há uma tendência. Precisamos de pessoas em busca do autoconhecimento. Porque isso ajuda a discernir comportamentos e intenções. Por consequência, impede a ação de pessoas inescrupulosas.

Agora você já sabe tudo sobre a Engenharia Social. Antes de treinar sua equipe, planeje a infraestrutura. Saiba mais sobre nossos serviços Cloud. Entre em contato conosco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui