Tendências de TI para 2017: separamos as mais importantes. Confira!

Tendências de TI para 2017: separamos as mais importantes. Confira!

Uma das principais atividades do gestor de TI é ficar por dentro das tendências da área. Conhecendo quais são as novas tecnologias, o profissional pode encontrar possíveis soluções para uso no ambiente interno, que tornem o negócio mais eficiente e dinâmico.

Esse exercício pode ser feito anualmente, de tal forma que o negócio possa começar o ano com um planejamento para realizar novos investimentos e otimizar as suas rotinas internas.

Se você quer conhecer as principais tendências de TI para 2017, veja a nossa lista abaixo!

1. Data center virtual

Os data centers podem ser implementados para vários objetivos. A execução de legacy software, por exemplo, evita que falhas de segurança exponham dados internos da corporação. Ao mesmo tempo, uma infraestrutura de alta capacidade aumenta a escalabilidade de aplicações internas, como CRMs.

Nesse sentido, a computação na nuvem permitiu que companhias virtualizassem toda a infraestrutura de um data center. Com o auxílio de máquinas virtuais, o negócio consegue maximizar a sua performance e escalabilidade operacional.




Além disso, a gestão de recursos é simplificada: bastam alguns cliques para liberar atualizações de software ou novas políticas de controle.

2. Investimentos em segurança da informação

Ao longo dos últimos anos, o investimento em segurança da informação tem ganhado destaque no mercado de TI. Diante do crescimento dos ataques de ransomware e os desafios impostos pela Internet das Coisas, companhias devem rever as suas estratégias de segurança digital.

Novas políticas de controle podem ser criadas. O investimento em ferramentas de monitoramento também pode ser realizado. Assim, o setor de TI conseguirá manter o controle total sobre a sua infraestrutura e mitigar falhas com agilidade e segurança.

3. Uso do Big Data na formulação de estratégias comerciais

O Big Data tem se apresentado como uma das melhores tendências de TI para negócios que buscam meios de tornar as suas estratégias de mercado eficientes.

Analisando dados de redes sociais, históricos de vendas e informações obtidas por meio de pesquisas, analistas conseguem, em tempo real, obter insights sobre a recepção de produtos no mercado, prever tendências e criar perfis de consumo mais realistas.

Dessa forma, a companhia conseguirá direcionar as suas abordagens comerciais com precisão, garantindo novas fontes de receita.




4. Softwares de gestão

O investimento em softwares de gestão facilita a integração de equipes e torna os dados internos do empreendimento mais precisos. Também chamados de ERPs, tais ferramentas funcionam como “hubs” de acesso, edição e armazenamento de informações internas. Assim, a companhia pode obter uma visão abrangente sobre todos os processos internos.

O ERP pode ser utilizado pelo setor de vendas e logística, por exemplo, para o planejamento de ofertas que aumentem a rotatividade de produtos no estoque. Isso reduzirá o índice de desperdício e, ao mesmo tempo, ampliará as receitas comerciais.

Já os processos de tomada de decisão, passam a ter o retorno financeiro ampliado. Como analistas conseguirão recuperar um histórico preciso sobre várias partes do empreendimento, o cálculo dos lucros que serão obtidos a médio e longo prazo ganha precisão.

Gostou das tendências de TI e quer saber como elas podem ser aplicadas no seu ambiente de trabalho? Então, entre em contato com um de nossos especialistas!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *